Arquivo da tag: Blazer

Look Lindo de Terça: Blazer e Jeans

O look lindo dessa terça tem nada e por isso mesmo parece ter tudo. Não tem jeito melhor de conquistar a minha admiração do que apostando em um monte de peça básica e, mesmo assim, conseguir um resultado incrível. É tipo ser o David Cooperfield da moda, sabe?

blazer-jeans

Você olha e pensa: como uma calça jeans, uma blusa básica e um blazer neutro formam um look desejo? Como pode? Há, se elas são o Cooperfield, nós seremos as Mister M hahaha. Bora desvendar esse mistério.

blazer-jeans

Acessório estampado – não existe maior potencializador de look do que uma bolsa com print.

Blusa meio presa – é aquele charme que ninguém vê, mas todo mundo nota.

Barra dobrada – podem chamar de Chico Bento, eu amo e venero a barra da calça jeans dobrada. Acho exatamente aquele toque que deixa a produção incrível.

Acrescenta aí um óculos escuros, madeixas de comercial de shampoo e voilá. Ou não voilá? Vota aí para todo mundo saber 🙂

Blazer Colorido

Vocês sabem que eu ando em uma obsessão só por roupas básicas, né? Daí que passeando pelos sites de street style, outro jeito de colorir o jeans e blusa branca (ou o clássico Black and White) chamou a minha atenção: blazer colorido!

É simples, não deixa de ser básico, tem um quê elegante e… eu fiquei morrendo de vontade de usar hahaha. Na verdade, essa última parte foi a que mais me espantou, já que eu sempre ignorei bem a existência de blazer com cores. Vê se não bate um desejo em vocês também!

Fora que é muito fácil de colocar para jogo. É a roupa de todo dia com uma sobreposição e pronto. Agora, as meninas usaram um elemento que ajudou a dar um tchan, vocês viram?

Óculos! Escuros, de grau… TODAS elas estão com o acessório no rosto. Coincidência? Eu acho que não viu? É aquela história: já que tá tudo beeem certinho, bora colocar uma pimentinha com o blazer e o acessório 😉

Alguém aí já é adepta do blazer colorido? Qual cor vocês preferem? Eu fiquei um pouco em dúvida entre o vermelho e o azul. Os dois são incríveis, né?

Manga Escapando é Tendência

O frio chegou (insiram aqui a sua comemoração), e lá venho eu com um truquezinho de styling esperto para a gente aproveitar os casacos com um toque adicional!

Antigamente, era super comum colocar uma camiseta estampada entre a base e o casaco principal para aparecer aquele pontinha desenhada na produção (tem até post velho que dói sobre isso aqui)

Daí que a onda agora, aparentemente, é deixar escapar um pedacinho da manga comprida listrada por baixo do blazer!

A vizinha blogueira Naty Vozza é super adepta do macetezinho e, espaço para os meus dois centavos? Achei super charmoso, viu?

Para variar, rola até de tirar aquela camisa xadrez do fundo do armário e deixar a manguinha aparecendo. Já tá escolhido como um dos meus truques desse inverno. Quem mais vem comigo?

Dupla Dinâmica: Jeans Boyfriend + Blazer

Tem umas peças que a gente olha e a impressão é que elas foram feitas uma para a outra. É que todas (to-das) as vezes que elas estão juntas em um look, tudo se encaixa e o mundo marca um pontinho fashion no placar. A combinação da vez é a calça boyfriend e o blazer ♥

Eu sei que a mistura não é exatamente nova, mas com o calor que fez nos últimos meses (sene, sene, sene, sene senegaaaal), eu tinha até me esquecido dessa dupla dinâmica infalível!

Eu acho que quanto mais destroyed o jeans, mais bacana fica. Mas se a sua onda não é andar no clima escumbalhada (amo ♥), só uma calça larguinha já faz um verão danado!

Nos pés: sapatilha se for um compromisso tranquilo ou até um mega salto alto se o lance for náity hahaha.

Para quem já tinha até esquecido da serventia da manga comprida no visual do dia a dia, fica a lembrança. Quem arrisca? 😀

Blazer + Silk

Eu já falei várias vezes que sou fã do clima High-Low. Se for para misturar paetês com jeans rasgado, vestido de festa com jaqueta jeans ou qualquer coisa do gênero: count me in!

Então, não precisa nem falar que eu amei a produção da Frankie Sandford que usou um blazer de alfaiataria combinado com uma blusa de silk e shortinho destroyed.

Daí, no dia seguinte, Mollie King me aparece com esse modelo:

Inconsciente coletivo? Cópia descarada? Algum evento do tipo “use blazer bege com a camiseta (linda!) da Miss Selfridge” que eu não estou sabendo? Só o tempo – ou comentários hahaha – dirá.

Mas que foi esquisito, isso foi, né?

Do’s e Don’t

Essa semana Leighton Meester inaugurou o debate sobre o guarda-roupa masculino no nosso corpo delas ao desfilar de terno gravata, colete e tudo que se tem direito. Aparentemente, o traje passeio completo masculino é tendência e anteontem não só Winona Hayde Ryder como Jessica Alba também deram suas voltas com as peças “joão”. Leighton dividiu opiniões arrancando aplausos e vaias da multidão (eu ainda estou em cima do muro), já Jessica e Winona representaram exemplos clássicos de DO e DON’T, respectivamente.

Jessica Alba linda de viver e Winona… er… bem… fica para a próxima

As duas estavam de cabelo preso, o que ajuda a masculinizar a produção, mas Jessica deu aula de sensualidade comedida utilizando o blazer sem nadica de nada por baixo. O colo à amostra, fazendo par com um colar maravilhoso, conferiu feminilidade ao look e o salto alto – hors concour quando o assunto é luxúria – ajudou a equilibrar a masculinidade do blazer e da calça. Já Winona tropeçou feio. Apesar de estar com salto, o bico quadrado do calçado não colaborou em nada com a roupa, a blusa com colarinho foi um exagero e, para completar, parece que a atriz pegou o blazer (de tuxedo e não terno) emprestado com alguém que, certamente, tinha o dobro do tamanho dela.

Resultado: manga de sobra e comprimento exagerado.

As atrizes podiam estar até com peças parecidas, mas de semelhança só a pegada masculina e a produção all black, concordam?

Blazer Listrado

É sempre complicado ver a raiz de uma tendência quando ela faz parte de mais de um estilo que está em voga, mas, é aquilo: se duas vertentes acomodam a peça, pode ter certeza que a chance de virar febre é muito alta. Já com o blazer listrado, que é tanto rocker quanto oitentista, eu acho que a história vai ser um pouquinho diferente.

Com ombros marcadinhos e blusa rasgada – mais punk-oitentista impossível

Tudo bem que a peça é maneiríssima e que a gente já está careca de ver pessoas listradinhas andando pelas ruas (graças ao navy!), mas a ousadia do ‘casaco’ está uns três tons acima para mim. Se bem que, é aquela velha história, eu digo dessa água não beberei e na estação seguinte lá estou não só bebendo como me esbaldando em um banho de piscina da tal água.

Chiara Ferragni com a sua versão mais “light”

O blazer comporta diversos estilos, desde o chic blogger de Chiara Ferragni (se bem que o dela é um pouco mais discreto) até o piriguetchy lifestyle de Kim Kardashian (que dizem as más línguas, está pegando Justin Bieber… menine, isso dá até cadeia). Momento fofoca de lado, estão começado a pipocar produções com o dito e a pergunta que não quer calar: É Tendência! E vocês, encaram?

Como Usar: Jegging

Como eu disse antes, na ferramenta de busca (logo ali do lado direito) as pessoas sempre procuram “como usar tal peça”. Fazer um “Como Vestir” é sempre complicado porque, né? Quem sou eu para falar como as pessoas devem usar algo. Então, resolvi fazer um “Como Usar” mais como sugestão, ficou na dúvida de como usar algo? Então, seguem algumas dicas – o espírito é mais ou menos esse! Para “estrear” essa seção do blog, as jeggings! Como eu cansei de falar no post sobre a peça, versatilidade é a palavra, portanto, nada como colocar a calça em três looks totalmente distintos!


Look 1 – Boho Style – Inspiração mor em Sienna Miller e cia, a jegging aqui faz par com uma manga comprida de tricot e acessórios que puxam para o marrom e dourado. Confortável e com um ar phyno, a produção é ótima para diversas ocasiões, e o sapato é um charme a parte!

Look 2- Basics – No melhor estilo Lauren Conrad out and about em Los Angeles, essa produção não exige quase nada, reparem que o tchan mesmo está nos acessórios. Para quebrar o basiquinho jeans e blusa branca (podrinha!), uma bolsa amarela (mas também podia ser vermelha, lilás, rosa, laranja…). Nos pés? O bom e velho all star!

Look 3 – Rock Chic – Nem Rocker, nem phyna. Essa produção não exige muito porque usa o artifício mais manjado pelas fashionistas, combinação p&b quebrada por um acessório vermelho (no caso, a bolsa). Mas, para mim, o charme maior do outfit fica por conta do contraste blazer x blusa estampada – outro detalhe que também é mega simples e faz um super efeito.

Vale lembrar: TODAS as blusas das produções são compridinhas, eu coloquei mais acima só para dar para visualizar bem as peças.

Eu amei passar um tempinho montando esses looks hahahaha, se der certo, o “Como Usar” pode aparecer por aqui de vez em quando! E vocês, gostaram?

Dupla Dinâmica: Vestido Florido e Blazer

Quando eu decidi fazer esse post, a ideia era falar sobre vestidos com a estampa liberty (aquelas florezinhas micro) e cardigans. Já faz um bom tempo que eu vejo a combinação rolando por aí e não estou falando só dos sites de street style com meninas vestindo looks mega elaborados. A duplinha estava bombando até nos corredores do shopping Leblon e pátios de universidades aqui no Rio. Como de costume, fui pesquisar imagens para a nota e me deparo com uma nova tendência: os cardigans (tão versáteis e amados) dando lugar para os blazers, que antes só faziam conjunto com jeans, short boyfriend, cintura alta ou qualquer outra peça masculina que o valha.

A combinação de vestido e blazer pelas ruas

É verdade que doeu muito ver que, possivelmente, os casaquinhos molinhos e confortáveis podem não sobreviver por mais uma temporada porque, convenhamos, não tem nada mais confortável e fácil nesse mundo do que cardigans coloridos. Por outro lado, o ar girlie do vestido florido quebrado com uma peça masculina ficou super elegante e deu um descanso para aquele contraste eterno rocker x romântico. Essa dupla dinâmica, ainda por cima, conta com uma característica que eu adoro: não tem limitador de horário, ou seja, de dia ou de noite, para um almoço um pouco mais arrumado ou para um get together com os amigos à noite, a combinação das duas peças é uma ótima pedida. Se o frio estiver apertando, basta incluir uma meia calça, como fez a Ashlee Simpson, que o visual não fica nada comprometido, muito pelo contrário! Mas, embora a mistura de estampas também esteja super em alta, o vestido já é estampado, então é melhor optar por uma meia-calça lisa e deixar a polka dot de lado. Conselho de amiga.