Arquivo da categoria: Foi Tendência

Não Pegou por Aqui

Sabe quando você vê uma tendência, se apaixona e torce para a danada chegar logo em território nacional para sair desfilando por aí? É uma alegria só quando isso acontece e rola de achar as peças com facilidade  ou passear com elas sem as pessoas acharem que você é um E.T.

Mas… e quando ela não vem? A gente fica olhando para o horizonte torcendo para “quem sabe um dia” até o dia em que ela morre lá fora e, bem, não foi dessa vez. Que nem aconteceu com…

Chapéu Coco


Seja em um visual mais moderninho ou com ar super retrô, o chapéu a la Chaplin não conquistou as brasileiras. E ele não pegou de tal maneira que nem nas lojas moderninhas eu vi vendendo. Snif. 😦

Meia Soquete

Essa eu vou dizer que me doeu muito. Sim, eu acho fofo, eu acho fino, eu curto e se aqui no Rio de Janeiro não fizesse um calor senegalês, eu tinha mandado bala!

Calça Colorida

Eu culpo o Restart. Eles adotaram esse visual e arruinaram tudo o que existia de fashionista na peça para o Brasil. As corajosas que arriscarem, correm o risco de ouvir gracinhas por aí.

Mas mesmo assim eu ando com a minha roxa e o máximo que me aconteceu foi eu mesma falar “hoje eu estou Fiuk“. Então, se você curte, coragem!  🙂

Cargo Skinny

Tem lá seu charme, mas vamos combinar que não é nenhum primor da moda, né? Pode fazer um look bacana, mas tá longe de ser uma grande perda a tendencinha não ter dado as caras por aqui.

A que eu mais lamento não ter vindo foi a meia soquete. Cheguei a me imaginar pelo verão (que na minha fantasia marcava graciosos 29 graus) passeando com as meias, vestidos fluidos e uma sandália aberta de salto.

E vocês, lamentam qual tendência não ter chegado aqui?  🙂

Anúncios

Inspiração Navy

Tudo bem que o navy não é tendência há tempos, e sim, moda consagrada, idolatrada, salve salve. Mas às vezes surgem umas imagens que, apesar de a essência não ser novidade, acabam trazendo um detalhe inusitado para fazer a gente se encantar pelo estilo de novo! Olivia Palermo (musa-mor) desfilou há tempos um modelito blusa listrada + saia branca que poderia perfeitamente ser mais uma inspiração náutica em meio a um mar (não resisti ao trocadilho hehehe) de referências.

Mas que trouxe um oxford prata incrível para quebrar o conceito do outfit. Sinceramente, eu sou muito chata com isso. Sou dessas que “se a referência é retrô, siga com ela até o fim e não coloque uma bolsa rocker, por favor”. Isso é necessário? Não, mas todo mundo tem chatices e essa é uma das minhas. Maaaas, quando o “pecadinho fashion” é muito bem pensado e elaborado, há que se bater palmas.

Jessica Alba, essa semana, também surgiu com ar marinheiro levemente modificado. Em vez de as listras estarem na blusa, como de costume, elas faziam parte da saia dando um charme a mais para o look, que ainda trazia sandálias de tiras que reforçavam a ideia das listras horizontais. Nada como ares novos para revitalizar um clássico!

E vocês, acham que ainda há fôlego para mais navy ou já deu?

Inspiração: Jessica Alba

A semana de moda de Paris está rolando, e todo mundo sabe que essa é A semana de moda. O capricho nos outfits rompe a barreira das passarelas e, muitas vezes, a primeira fileira chama mais atenção do que o desfile em si. E se tem uma pessoa que está garantindo que esse fenômeno aconteça, o nome dela é Jessica Alba.

Jessica Alba em produção phyna e elegante

A atriz volta e meia figura por aqui com produções de dia a dia, e quando o assunto é alta costura, a senhorita Alba não está deixando absolutamente nada a desejar. No desfile da grife Christian Dior, ela optou por um vestido fresh and girlie que é a cara das ruas de Paris. Já no desfile de mademoiselle Chanel, o look all White quebrado pelo cinto e pelo batom vermelho estava totalmente à prova de críticas.

E deixando fashionistas boquiabertos com a produção perfeita

A ankle boot preta de renda também garantiu um contraste entre a seriedade da cor e a leveza do tecido. Em poucas (e outras) palavras, Jessica Alba está arrasando.

Similaridades: Perceberam que as duas produções trazem cintura marcada por cinto bem fininho? Fácil de fazer e garantia total de feminilidade.

Elas (ainda) Estão Usando! – Boyfriend Jeans

Todo mundo tem uma rotina sagrada, a minha é acordar e ir direto para os sites de fofoca. Adoro! E ontem não foi diferente, mas com uma pitada de coincidência. O post que estava programado para ontem de manhã, o Foi Tendência, não tinha nem entrado no ar e eu dou de cara com a “peça assunto” em duas matérias seguidas do site Globo.com. Naquele esquema bem cafoninha do tipo “fulano foi ao cinema”, “ciclano andou na rua”, Angélica e Carolina Ferraz deram pinta com o boyfriend jeans pelas ruas do Rio.

Carolina Ferraz e Angélica

A combinação da Angélica até ficou legal. Tudo bem básico, a blusa não muito larga, para evitar o efeito balão e chapéu panamá para dar uma graça. Já Carolina Ferraz, que é sempre mega elegante, estava bem, mas acho que se a blusa fosse um pouco menos larga, estaria melhor. Parece que ainda não é hora mesmo de aposentar as calças largas, não é mesmo?

Foi Tendência: Boyfriend Jeans

Quando Katie Holmes apareceu desfilando com uma calça masculina pelas ruas de NY, a primeira reação da maioria das pessoas foi: “WTF??”. Em meio ao reinado, ainda vigente diga-se de passagem, das super hiper mega skinnies, como podia a Sra. Tom Cruise desfilar por aí com uma calça troncha e ainda com a barra dobrada?

Katie Holmes, a precursora do movimento

Passou um tempinho, os olhos das fashionistas se adapataram à novidade e foi iniciada a massificação do jeans boyfriend. Foi um tal de calça, bermuda e short larguíssimos enfeitando os corpitchos de meninas em todo o mundo, mas isso já faz muito tempo. Por isso, qual não foi a minha surpresa ao passear por fotos de outfits tiradas essa semana e me deparar com nada mais nada menos que TRÊS mulheres, entre elas a super trend-setter Whitney Port, out and about com suas calças mega largas, detonadas e com a barra dobrada.

Whitney Port, Emily Blunt e a fashionista Betty do famosíssimo Le Blog de Betty

É verdade que, hoje em dia, as calças não são mais tão masculinas quanto as precursoras do movimento, e algumas são até “apertadinhas”, mas a peça ainda tem um ar de desleixo bem característico. Além disso, o jeans é mega confortável tanto nos dias quentes quanto nos mais fresquinhos (quem tem uma sabe bem do que eu estou falando). Ultrapassado? Aparentemente há quem discorde e, convenhamos, nada como a vitória do conforto sobre tendências descartáveis.